Não perca o amor da sua vida

♪ Clique aqui para ouvir Telegraph Ave enquanto lê este texto. (:

Algumas coisas na vida nos incomodam muito em um relacionamento, como grosseria desnecessária, indiferença e falta de comprometimento. Só que por mais que isso nos incomode, chega um momento em que a gente simplesmente se acostuma. Sinceramente eu acredito que podemos nos acostumar com qualquer coisa, mas eu tenho um pedido pra te fazer, não se acostume com o amor da sua vida.

Não se acostume em ter a presença dele todos os dias em sua vida porque um dia ele pode simplesmente não estar mais ali. Rotinas existem, são normais, mas podem ser evitadas. Você não precisa se acostumar com a falta de cavalheirismo e se contentar com um “oi” sem graça depois de um dia cheio de trabalho, só que depois de um tempo a gente se acostuma.

Se acostuma com o sorriso e não percebe que ele foi forçado, se acostuma com a falta de tempo e deixa o amor sempre pra depois. Depois dos estudos, depois do futebol, depois do seriado, depois do jantar, mas o problema é que algumas coisas não podem, e não devem esperar. Não se acostume com o brilho do cabelo dela a ponto de não reparar quando ela o arruma pra você. Não se acostume com os cílios sempre tão bem contornados com rímel, e diga o quanto ela é linda frequentemente.

Não se acostume com o cheiro dela perfumando os seu dias, esse cheiro é único, ela é única. Não admita que um abismo entre vocês se abra a ponto de não existir mais a possibilidade de voltar para o outro lado, e não aceite um amor morno, porque morno não é o que está ficando quente e sim o que está esfriando. Você pode se acostumar com todos os problemas do mundo ao seu redor, mas por favor, não ouse se acostumar com a presença do amor da sua vida.

Vamos conversar?
Curta a página do Blog aqui Insta: @na.silveira
Venha acompanhar as Celebrações da ICP Curitiba aqui 

Natália Silveira

Designer, curitibana, criativa, curiosa, sonhadora, inquieta e tem a risada mais escandalosa que já se ouviu.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *